Interrupção de chamada

Asvendas de veículos registraram alta de 13,2% em janeiro, na comparação com o mesmo período do ano passado. As informações foram divulgadas pela Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores) nesta segunda-feira, 5.

Os emplacamentos alcançaram 161,6 mil unidades no primeiro mês do ano e envolvem carros de passeio, utilitários leves, caminhões e ônibus.

+ Volkswagen aposta em carros híbridos flex no Brasil e cogita produção nacional de elétricos
+ Confira os 50 carros mais vendidos em janeiro

No entanto, o número ficou 35% abaixo do total vendido em dezembro. De acordo com o presidente da federação, José Maurício Andreta Júnior, houve, em geral, uma melhora no mercado por conta da evolução do emprego, somado às quedas nos juros e maior fluxo de crédito em diversos segmentos.

“O custo e o acesso ao crédito melhoraram a partir do último trimestre de 2023. Isso, aliado à expectativa de redução dos juros oficiais ao longo de 2024, tem melhorado a disponibilidade e diminuído a restrição do crédito por parte dos agentes financeiros”, comentou Andreta Jr.

Contando com a melhora nas condições de crédito, a Fenabrave prevê crescimento de 12% das vendas de veículos zero quilômetro em 2024.

Motos

O destaque segue com as motos que somaram 143.327 emplacamentos em janeiro, o que representou crescimento de 7,97% ante dezembro e 29,66% quando comparado com dezembro de 2023.

Interrupção de chamada Mapa do site